Ministério Público faz Denúncia Contra Jovens que Mataram Policial em Gravataí

Nesta terça-feira (18) o Ministério Público de Gravataí, denunciou os dois jovens envolvidos na morte do policial militar Cristian da Rosa Oliveira.
O Latrocínio ocorreu no bairro Morada do Vale II no dia 17 de março deste ano.

Aline Baldissera, promotora de Justiça, acusou a dupla também por corrupção de menor e um dos jovens acabou sendo denunciado também por incêndio criminoso e fraude processual.

A denúncia informa que a dupla, sendo um menor de idade, dirigiram-se até o policial militar que estava dentro do seu carro e anunciaram o assalto, Cristian acabou reagindo e os criminosos efetuaram disparos contra o policial que veio a falecer.

Após cometer o crime, os dois fugiram levando a arma de fogo e também as munições do policial.

Um dia após o ocorrido, um dos jovens furtou um carro e acabou incendiando em via pública para despistar a investigação, já que o modelo do carro que foi roubado era igual ao que utilizaram no latrocínio e com a mesma numeração da placa.