Mães e Pais médicos do RS Enviaram Carta ao Cremers

Mães e Pais médicos do Rio Grande do Sul enviaram uma carta ao Cremers (Conselho Regional de Medicina do Estado do RS), pedindo que a entidade autorizasse a reabertura das creches e escolas, que no momento estão com as aulas suspensas.

A carta foi elaborada com a ajuda do Comitê Científico do Projeto Lugar de Criança é na Escola.

“Para muitas crianças e adolescentes que vivem em vulnerabilidade social, a escola é o local onde recebem a melhor ou talvez única refeição diária e seu ponto de apoio e segurança contra maus-tratos (abuso e violência), trabalho infantil, aliciamento para consumo de drogas e entorpecentes. De acordo com dados do Caderno de Saúde Pública do Estado, houve 54% de redução das notificações de violência contra crianças e adolescentes em 2020, em comparação com o mesmo período em 2019, sugerindo que as escolas são importantes centros de triagem, e que a privação das aulas presenciais mais do que um problema educacional é um grave problema de saúde pública” parte da carta enviada.

Nesta segunda-feira (5), o Governo do Rio Grande do Sul, recorreu novamente ao Supremo Tribunal Federal, solicitando a retomada das atividades escolares presenciais em todo o Estado.